15% das PMEs optam pelo backup online

Análise divulgada pela M3Corp, especializada em segurança de dados para o mercado corporativo revela que 43% das companhias ainda possuem restrições sobre a eficiência do backup

 

Um dos grandes problemas enfrentados pelas empresas nos dias de hoje é garantir e realizar as cópias de segurança dos dados contidos em seus computadores e também servidores, o famoso Backup. Dados divulgados na imprensa revelam que 57% das PMEs não possuem qualquer plano para o caso de perda de dados.

“32% de empresas que não contam com um sistema automatizado de backup, nem local, nem online e ainda 43% das empresas que realizam backup de seus dados têm preocupações com a eficiência e de seu gerenciamento”, revela Antonio Mocelim Jr, diretor da M3Corp, especializada em segurança de dados corporativos. Para completar, o executivo destaca que “o backup online é uma tendência que tem mudado a rotina dos gestores e 15% das empresas já aderiram a essa opção, que possui vantagens como automatização e agilidade em processos”.

A partir disso, a M3Corp destaca os cinco principais desafios enfrentados pelas pequenas e médias em relação ao backup no ambiente corporativo e onde as empresas devem estar atentas:

1) Custo direto e indireto do Backup, pois a palavra backup tem por trás softwares de backup, mídias de armazenamento para os servidores (ex. fitas LTO), infraestrutura de rede, equipamentos de automatização de troca de fitas, drives de mídia, armazenadores de fitas além de servidores ou até mesmo appliances dedicados para esta função;

2) Trabalho de manutenção e continuidade do Backup é realmente alto e quando falamos de momentos de falha de equipamentos, quando os dados precisam ser recuperados, estamos falando de um grande tempo gasto pelos administradores de TI para recuperar as informações, além da verificação contínua dos sistemas de backup para garantir que em caso de falha os dados poderão e serão recuperados;

3) Garantir a proteção de todos os computadores (PCs), tem se tornado algo cada vez mais difícil para as empresas, pois elas muitas vezes dedicam muito tempo aos servidores críticos e não conseguem dar a atenção adequada para as máquinas dos usuários finais, o que em caso de perda de dados gera grande impacto na produtividade dos funcionários e também no resultado da empresa;

4) Como garantir a segurança dos dados em escritórios remotos? Esta pergunta muitas vezes não tem resposta ou a resposta é negativa, pois as empresas não estão preparadas e não têm condições de reservar verbas orçamentárias para esta finalidade em escritórios menores. Quando nos referimos a estas filiais estamos falando de recursos computacionais e também de pessoal especializado para esta finalidade;

5) O custo e o risco do armazenamento de mídias fora da empresa, este assunto é pouco abordado, mas o fato é que além do custo de armazenar as fitas, que não é baixo, requer ambiente especializados e condicionados para esta finalidade, temos que lembrar que a exposição dos dados da empresa em casos de roubo ou perda de uma fita pode gerar sérios danos para a empresa.

“Assim como a tendência do mercado de servidores na nuvem, temos hoje oferta também de Backup Online, que gera benefícios diretos e atende a estas preocupações e até mesmo a regulamentações atreladas ao armazenamento de informações”, explica Mocelim.  São outros cinco fatores:

1) Automatização de Backup, com a adesão de um sistema de backup online a cópia dos dados ocorre de forma automatizada e controlada, garantindo o sucesso do processo de cópia e a integridade do dado no ambiente de backup, como a possibilidade de recuperação do mesmo. Além disso, há toda a camada necessária de controle com interfaces web para administração e visão em tempo real de status de backup, controle de versão e também relatórios;

2) Modelo de pagamento mensal, quando falamos de backup, estamos falando de um grande investimento em ‘infra’ atrelado, assim como todos os outros investimentos atrelados, algo que não existe no Backup online, pois o pagamento é somente sobre o uso e pelo tempo necessário, o que garante para a empresa um menor impacto no orçamento e também menor risco, além de redução de custos em muitos dos casos;

3) Rápida instalação em computadores e servidores, pois os provedores de sistemas de backup online estão cada vez mais preocupados a oferecer sistemas mais simples, rápidos e eficientes de instalação de agente, não sendo necessária a instalação de um servidor central para esta função;

4) Elimine o risco de transporte e armazenamento, pois uma vez que os dados são gravados na nuvem, com criptografia dos dados, o que garante a segurança no transporte, não é necessário armazenar e manter contratos de acondicionamento de fitas com terceiros, diminuindo assim os riscos atrelados destas operações;

5) Centralize e gerencie os backups, inclusive de seus escritórios remotos, pois com a interface web você terá como verificar se o backup está sendo corretamente realizado em todos os computadores, sendo eles locais ou remotos.

Estes pontos apresentados são somente parte das preocupações de um backup corporativo e o mesmo, vale para as vantagens do backup online. Atualmente temos uma taxa de 32% de empresas que não contam com um sistema automatizado de backup, nem local, nem online e ainda 43% das empresas que realizam backup de seus dados têm preocupações com a eficiência e de seu gerenciamento.

Para finalizar, o executivo revela que “o backup online é um caminho, uma tendência para garantir mais uma forma de se chegar a tão sonhada, segurança dos dados da empresa. Seja pequena, média ou grande, fato é que todas precisam agir para que suas informações não sirvam de isca ‘para peixe’”.

 

Sobre a M3Corp (www.m3corp.com.br): Especializada em serviços de internet, a M3Corp possui profissionais com mais de 10 anos de experiência no mercado. Entre seus serviços estão: Consultoria, com destaque ao SaaS. Com cerca de 80.000 licenças, mais de 230 canais e 50 parceiros na América Latina, entre Chile, Colombia, Mexico e Equador, a M3Corp é referência em segurança antivirus para o mercado corporativo.